Início | Notícias | História | Benefícios | jurídico | Informe Geral | Fotos | Vídeos | Guia Sindical | Guia Assistencial | Publicações

Notícia

Trabalhadores da Jaraguá suspendem movimento que impedia acesso ao Comperj

Os trabalhadores das obras do Comperj voltaram às atividades nesta terça-feira, depois de oito dias de manifestações dos colegas da Jaraguá, que bloqueavam as vias de acesso ao empreendimento. O movimento dos operários foi suspenso depois que a Petrobras se comprometeu, no Ministério Público do Trabalho (MPT), pagar o salário atrasado em lugar da Jaraguá, vale alimentação de R$ 410,00 e alimentação aos alojados. Já a conta de luz foi paga pelo sindicato.

A partir das 5h, os ônibus com os trabalhadores começaram a acessar a RJ 116, que liga Itaboraí a Friburgo e que permite o acesso ao Comperj. Às 6h30min, uma enorme fila de ônibus e automóveis ocupava a pista. A volta ao trabalho foi possível depois da reunião no MPT, solicitada pelo Sinticom, que contou com a participação de representantes da Petrobras e do Consórcio Jaraguá Egesa e Jaraguá Equipamentos Industriais. No encontro ficou decidido também que os pagamentos sejam depositados do menor para o maior salário e referem-se à cerca de mil e 400 trabalhadores.

Os operários da Jaraguá estão sendo convocados para uma reunião na próxima terça-feira (20), às 8h, na Garagem do Forró, quando vão conferir o cumprimento do acordo e verificar como fica o futuro da relação de trabalho. A preocupação do sindicato é que os trabalhadores tenham seus direitos respeitados.

13/05/2014

TV Sinticom SG

Contibuição Sindical

Clique para emitir sua contribuição


Contribuição Assist.

Clique para emitir sua contribuição


Convênios

Cartilhas Sinticom

Sindicalize-se

Sedes do sindicato

Sede São Gonçalo (Matriz)
Av. Presidente Kennedy, 217 - Centro
(21) 2712-5020 / 3857-9401
Sede Itaboraí (Subsede)
Av. Dr. Macedo, 04 - Centro
(21) 2639-0484
Sede Cabo Frio (Subsede)
Av. Julia Kubitschek, 39 Sobreloja 07 - Parque Riviera
(22) 2647-5635


SINTICOM - SINDICATO DOS TRABALHADORES DA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO CIVIL E PESADA, MONTAGEM E MANUTENÇÃO INDÚSTRIAL, OLARIA, CERÂMICA, MOBILIÁRIO, MÁRMORE E GRANITO DE SÃO GONÇALO, ITABORAÍ E REGIÃO