Início | Notícias | História | Benefícios | jurídico | Informe Geral | Fotos | Vídeos | Guia Sindical | Guia Assistencial | Publicações

Notícia

Dólar opera em queda, perto de R$ 3,50


Na véspera, moeda recuou 0,87%, cotada a R$ 3,54 na venda.

Na semana e no mês, o dólar acumula alta de 2,9%.


O dólar opera em queda nesta quinta-feira (5), em sessão novamente marcada pela ausência do Banco Central no mercado de câmbio, após ter recuado na véspera e fechado no valor de R$ 3,54.


Às 10h30, a moeda norte-americana operava em queda de 0,68%, vendida a R$ 3,5157. Veja a cotação.


Acompanhe a cotação ao longo do dia:


Às 9h09, queda de 0,71%, a R$ 3,5147.


Às 9h30, queda de 0,69%, a R$ 3,5155.


Às 10h, queda de 0,84%, a R$ 3,5101.


De acordo com a Reuters, de uma maneira geral, analistas consideram que a tendência para o dólar permanece de desvalorização frente ao real em meio às expectativas de mudança de governo com o avanço do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff.


Na véspera, o relator do pedido de impeachment, senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), apresentou parecer favorável à abertura do processo contra a presidente Dilma, como esperado, desclassificando as alegações de que o processo se trata de um golpe.


Nesta quinta-feira, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki afastou Eduardo Cunha (PMDB-RJ) do mandato de deputado federal e, consequentemente, da presidência da Câmara em decisão liminar.


Perspectivas


Pesquisa da Reuters mostrou que o dólar deve ficar abaixo de R$ 4 e não deve voltar a bater recordes contra moedas de países emergentes neste ano, inclusive no Brasil, após a forte queda dos primeiros meses de 2016 em meio a dúvidas sobre o aumento dos juros nos Estados Unidos.


Últimos pregões


Na véspera, o dólar caiu 0,87%, a R$ 3,54, após acumular alta de 3,81% nos dois pregões passados. Na semana e no mês, o dólar acumula alta de 2,9%. No ano, porém, a desvalorização frente ao real é de 10,34%.


Atuação do Banco Central


Até o momento, o BC não anunciou para esta sessão leilão de swap cambial reverso, equivalente à compra futura de dólares. Caso fique de fora, será a segunda sessão seguida, após voltar ao mercado quando o dólar chegou a fechar abaixo de R$ 3,45.


Após as recentes valorizações, que levaram o dólar a fechar no patamar de R$ 3,57 na terça, o BC não realizou na quarta-feira leilão de swap cambial reverso, equivalente à compra futura de dólar. A percepção de muitos operadores, ainda de acordo com a Reuters, é que o BC não quer o dólar abaixo de R$ 3,50 não prejudicar as exportações brasileiras e estaria confortávelcom o atual nível.


Fonte: G1



05/05/2016

TV Sinticom SG

Contibuição Sindical

Clique para emitir sua contribuição


Contribuição Assist.

Clique para emitir sua contribuição


Convênios

Cartilhas Sinticom

Sedes do sindicato

Sede São Gonçalo (Matriz)
Av. Presidente Kennedy, 217 - Centro
(21) 2712-5020 / 3857-9401
Sede Itaboraí (Subsede)
Av. Dr. Macedo, 04 - Centro
(21) 2639-0484
Sede Cabo Frio (Subsede)
Av. Julia Kubitschek, 39 Sobreloja 07 - Parque Riviera
(22) 2647-5635


SINTICOM - SINDICATO DOS TRABALHADORES DA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO CIVIL E PESADA, MONTAGEM E MANUTENÇÃO INDÚSTRIAL, OLARIA, CERÂMICA, MOBILIÁRIO, MÁRMORE E GRANITO DE SÃO GONÇALO, ITABORAÍ E REGIÃO