Início | Notícias | História | Benefícios | jurídico | Informe Geral | Fotos | Vídeos | Guia Sindical | Guia Assistencial | Publicações

Notícia

Dólar tem nova alta e ultrapassa os R$ 3


Com quatro dias de alta seguidos, o dólar comercial ultrapassou hoje (5) o patamar de R$ 3. Nesta quinta-feira (5), a moeda norte-americana variou entre R$ 2,97 e R$ 3,02 e acabou fechando em 3,01, uma valorização de 1,03% em relação ao dia anterior. Esta é a maior cotação desde 16 de agosto de 2004.


Somente nesta semana, o dólar teve valorização de 5,44% frente ao real. No ano, a moeda norte-americano acumula alta de 13,27%. Alguns analistas avaliam que investidores estão preocupados com o andamento dos ajustes das contas públicas, fator que poderia ajudar a conter a alta do dólar.


O dólar também tem subido em relação a outras moedas, como o euro, depois da divulgação de dados que mostram a recuperação da economia dos Estados Unidos. Em janeiro, as encomendas de bens duráveis (como automóveis e eletrodomésticos) subiram naquele país, interrompendo uma sequência de quatro meses de queda.


O aumento do consumo nos Estados Unidos reforça as perspectivas de que o Federal Reserve (Fed, o Banco Central norte-americano), em breve, pode aumentar os juros da maior economia do planeta. Juros mais altos nos países desenvolvidos reduzem o fluxo de capital para países emergentes como o Brasil, pressionando o dólar para cima.


Fonte: Camara Deputado



06/03/2015

TV Sinticom SG

Contibuição Sindical

Clique para emitir sua contribuição


Contribuição Assist.

Clique para emitir sua contribuição


Convênios

Cartilhas Sinticom

Sedes do sindicato

Sede São Gonçalo (Matriz)
Av. Presidente Kennedy, 217 - Centro
(21) 2712-5020 / 3857-9401
Sede Itaboraí (Subsede)
Av. Dr. Macedo, 04 - Centro
(21) 2639-0484
Sede Cabo Frio (Subsede)
Av. Julia Kubitschek, 39 Sobreloja 07 - Parque Riviera
(22) 2647-5635


SINTICOM - SINDICATO DOS TRABALHADORES DA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO CIVIL E PESADA, MONTAGEM E MANUTENÇÃO INDÚSTRIAL, OLARIA, CERÂMICA, MOBILIÁRIO, MÁRMORE E GRANITO DE SÃO GONÇALO, ITABORAÍ E REGIÃO